,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

quinta-feira, 23 de abril de 2015

JOVEM DE 17 ANOS É ASSASSINADO À QUEIMA ROUPA EM TRIZIDELA DO VALE



Cobertura completa com depoimentos, fotos e vídeos.
Na noite chuvosa desta quinta-feira, por volta das 20h00, o jovem Paulo Matheus Palhares de Oliveira, 17 anos, foi assassinado à queima roupa no Balenário “Major Lucena”, uma região de bares e espaço de festas populares na cidade de Trizidela do Vale.

O Blog do Carlinhos esteve presente no local no local cerca de 15 minutos depois do assassinato e conversou com testemunhas, PMs e o delegado de Trizidela do Vale, Dr. Márcio. A dona do Bar, onde aconteceu o assassinato, revelou está chocada com o assassinato e afirmou que presenciou toda cena. De acordo com ela, Paulo Matheus tinha acabado estacionar a moto Pop que conduzia, ao descer da mesma, chegou uma dupla em uma moto Fan, cor branca e começou a disparar tiros no jovem ainda pelas costas. A testemunha acredita que pelo menos cinco tiros foram disparados. Paulo Matheus morreu em decorrências dos ferimentos à bala e a dupla evadiu-se do local. Havia marcas de balas em uma das paredes, duas em uma cadeira de plástico branca e o corpo estava cravado de perfurações. A dona do Bar conversava com o Blog, enquanto lavava o piso do bar, sujo de sangue.
Paulo Matheus, 17 anos 



O Blog conversou rapidamente com PMs. Eles informaram que receberam a informação através do WhatsApp da Polícia Militar, de que estava acontecendo m tiroteio no “Major Lucena”. Ao chegar ao local, encontraram o corpo do jovem sem vida e preservaram local até a chegada da ambulância que levou o corpo para o hospital do município.

 
O delegado Dr. Márcio, responsável Pelo DP de Trizidela do Vale também esteve no local, acompanhado de mais um agente; eles realizaram uma rápida reconstituição do assassinato, colocando as cadeiras no local em que estava quando a vítima foi alvejada pelos criminosos. Colheu alguns depoimentos e depois se dirigiu ao Hospital de Trizidela do Vale para onde foi levado o corpo; o objetivo era ouvir familiares em busca de informações sobre a vida pregressa da vítima.

“Fomos informados agora e já iniciamos as investigações, o próximo passo é conversar com a família para saber se ele tinha desafetos ou algo que nos leve a autoria”, disse Dr. Márcio ao Blog.

Por conta do assassinato, o Hospital de Trizidela do Vale estava bem movimentado na noite desta quinta-feira; familiares chorando, muitos jovens, possivelmente amigos da vítima; o corpo de Paulo Mateus estava na pedra do necrotério, sendo examinando e preparado para o funeral.

Ao lado uma tia chorando, afirmando que Paulo Matheus era um jovem quieto, que não se envolvia em brigas ou algo errado e que tinha retornando há poucos meses para Trizidela do Vale. Estava morando em outra cidade.

O Blog ainda ouviu burburinhos de pessoas que conheciam o jovem assassinado.
“Ele era um bom menino, mas nos últimos dias foi visto em companhias erradas ali pela Praça da Igreja”, comentavam a boca pequena.

Segundo o delegado Dr. Márcio, Trizidela do Vale não registrava um assassinato desde o início de fevereiro de 2015.
PMs sob o comando do Tenente Cecílio no "Major Lucena"

Vídeos 

Vídeo do corpo sendo retirado do Balneário "Major Lucena" 

 


Entrevista com o Delegado de Trizidela do Vale, Dr. Márcio 


No necrotério, do Hospital, onde estava o corpo do jovem


Fotos no Balneário "Major Lucena" 






Marca de bala na parede 

Marcas de balas na cadeira 





Delegado Dr. Márcio e um agente faz uma rápida reconstituição
e colhe os primeiros testemunhos 


Fotos do Hospital