,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

sábado, 22 de agosto de 2015

TIROTEIO DEIXA FERIDOS EM LAGO DA PEDRA, MA.




No início da noite desta sexta-feira (21), em Lago da Pedra, dois indivíduos tentaram assassinar Jadson Dourado Pacheco, de 32 anos conhecido como “Jadson”. Estava chegando em casa quando os dois elementos suspeitos de nomes: Isaias Gonçalves, do estado Pará e Moises da Silva de Grajau, estavam andando em uma moto Honda/Titan vermelha com placa QDF 0345 do PARÁ, tentaram surpreender a vítima, pois segundo informações, os dois elementos foram contratados para assassinar o mesmo, mas na realidade os dois, quem foram surpreendidos, pois Jadson   está armando e disparou contra os dois elementos.

Moto usada pelos elementos
Isaías Gonçalves e Moisés foram baleados e tentaram fugir do local mais acabam se chocando com um veículo próximo ao local do tiroteio, na Rua Humberto de Campos. Segundo informações quase 10 tiros foram disparados na troca de tiros.


As vítimas foram atendidas e encaminhadas para o hospital de Peritoró, onde um dos feridos acabou fugindo ao chegar no hospital.

Informações dão conta de que Jadson e outro homem conhecido por Ailton, também foram atingidos, mas se encontram fora de perigo.

Jadson Dourado Pacheco, de 32 anos 

Jadson em 2013 foi preso acusado de matar a ex-companheira, Izonete Gonçalves de Sousa, que na época tinha 24 anos, com um corte no pescoço, após descobrir que tinha sido traído. O crime aconteceu às margens do Rio Grajaú, local conhecido como Galo Duro, zona rural de Paulo Ramos. Jadson logo foi preso, confessou o crime e meses depois conseguiu sair da prisão e respondia o crime em liberdade.

Segundo informações, os dois indivíduos são parentes de Izonety, um irmão e um primo.

Com informações: Walney Batista
Edição Blog falandoseriobacabal