,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

JÚRI POPULAR: ULISSES É CONDENADO A 17 ANOS DE PRISÃO PELA MORTE DE PEDRO HENRIQUE DE 7 ANOS EM BACABAL





O salão do fórum da comarca de Bacabal ficou lotado, todos que ali estavam aguardavam o resultado do julgamento do homem que se sentou no banco dos réus como acusado de matar seu vizinho, um garoto de apenas 7 anos.
Resultado de imagem para Pedro Henrique bacabal
A morte do garoto Pedro Henrique ocorreu no dia 16 de junho de 2014 e de acordo com o inquérito policial, a motivação para morte do garoto foi uma trama arquitetada pelo réu, onde vingar-se do pai da vítima foi o intuito do acusado.

A polícia civil chegou a ele após relatos da irmã da vítima. Na época Jadielson que também atende pela alcunha de "ulisses" foi citado como autor do crime.

Diante de várias evidências, Ulisses acabou preso um mês após a morte de Pedro Henrique e permaneceu preso até o dia de seu julgamento, ocorrido nessa quinta-feira (10). Mesmo sendo acusado pela morte do menino de 7 anos, Ulisses sempre negou ter tirado a vida do garoto que também era seu vizinho.
Diante de tantos adiamentos e contradições, o julgamento de Jadielson Ferreira criou expectativas quanto ao seu resultado. Por volta das 17h30min dessa quinta-feira (10), o Juiz Antônio Jorge que presidio o julgamento começou a ler a sentença.


Depois de cinco minutos o magistrado, revelou a pena fixada para o crime previsto no artigo 121 do código penal brasileiro. De acordo com o Conselho de Sentença, Jadielson Ferreira matou sim o garoto Pedro Henrique e ainda utilizou meio cruel e recursos que dificultaram a defesa da vítima.

Para família de Jadielson, 17 anos de prisão foi uma pena muito dura de mais, já que eles acreditam na inocência dele. Para família da vítima mesmo com a condenação do réu, nesse caso não houve justiça. 


Apesar da condenação fixada em 17 anos, Jadielson só cumprirá 16, já que o tempo em que ele permaneceu encarcerado antes do julgamento serviu como abatimento na pena a ser cumprida daqui pra frente. De acordo com o Juiz Antônio Jorge, a pena a qual Ulisses acabou condenado, será cumprida na Unidade Prisional do Olho d’água em São Luiz.

Em tempo:


A viatura que conduziaa o detento apresentou falha mecânica, a parte da viatura aonde o acusado estava e  as porta ficaram todas travadas, por causa da bateria do veículo ter descarregado. Jadielson ficou preso na mala da viatura por vários minutos e somente com ajuda de uma viatura da Policia Militar de Bacabal o problema foi resolvido.