,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

sábado, 23 de janeiro de 2016

CRIMINOSO DE ALTA PERICULOSIDADE MORRE EM CONFRONTO COM A POLÍCIA DE SÃO MATEUS DO MARANHÃO

Compartilhar no WhatsApp




Uma guarnição da 2ª CIA da Polícia Militar de São Mateus do Maranhão comandada pelo Capitão Araújo, recebeu denúncia informando que Cleyton Nascimento Morais, presidiário, acusado de assaltos e homicídio, estaria em uma residência na Rua Tancrêdo Neves, 436 e, que o mesmo estaria armado de revólver. A guarnição com o apoio da Polícia Civil fez o cerco à residência e após uma troca de tiros, Cleyton foi atingido por vários disparos pela Polícia. No momento da prisão o mesmo efetuou 02 (dois) disparos contra os policiais com um revólver Taurus calibre 32, número de série: 289713.

O mesmo foi encaminhado ao Hospital Municipal de São Mateus, onde recebeu atendimento médico e ao ser transferido para a cidade de Matões, não resistiu aos ferimentos e faleceu no final da tarde de sexta-feira (22), durante a cirurgia.

Cleyton, que saiu da penitenciária de Codó para passar o natal com a família, cometeu vários assaltos na cidade de São Mateus, até ter sido preso pela PM no dia 15, de dezembro, de 2015, onde portava um revólver calibre .38, número de série E081618, fugindo menos de 24 horas depois da Delegacia de São Mateus com seu comparsa de nome Hugo. Logo após a fuga, no dia 16 de dezembro, Hugo foi encontrado morto a pauladas na cabeça, com fortes indícios de que haveria sido morto por seu parceiro de fuga Cleyton.
Hugo - morto a pauladas na cabeça

LEIA TAMBÉM:


SÃO MATEUS, MA: PRESO QUE RECEBEU INDUTO DE NATAL É PRESO SUSPEITO DE COMETER VÁRIOS ASSALTOS.



PRESO É ASSASSINADO POR COMPARSA APÓS FUGIREM DA DELEGACIA DE SÃO MATEUS, MA


Foragido desde então, Cleyton vinha sendo apontado e reconhecido por várias vítimas como sendo o autor de vários roubos a motos e celulares nesta cidade, inclusive um arrastão que teria praticado na sorveteria "Beijo Melado" no centro da cidade, onde teria roubado vários celulares e dinheiro.


Todo o efetivo policial da cidade de São Mateus, comandado pelo Capitão Araújo, estava a cerca de 7 dias empenhado na captura desse elemento de alta periculosidade, que chegou até a ameaçar policias desta Companhia de morte.


GUARNIÇÃO: Cap Araújo, Sgt Amorim, Cbs  Arimatéia e Rogério, Sds Reginaldo, Emanuel, Rafael e Gerson.