.

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

MESMO SENDO PRESO EM FLAGRANTE, RESPONSÁVEL POR TENTATIVA DE HOMICÍDIO OCORRIDA NO ÚLTIMO FINAL DE SEMANA EM BACABAL, ACABOU LIBERADO PELA POLÍCIA CIVIL




Só pra relembrar, o caso ocorreu na madrugada de sábado  (30) para domingo (31) no lixão de Bacabal, a vítima foi o catador de lixo André Luiz. O algoz, um homem que supostamente é foragido da justiça de Codó. De acordo com relatos de Tancredo Ferreira da Silva o ”Barrão" tudo teria se iniciado após o sumiço de sua documentação, ainda segundo o autor das facadas, à vítima junto com outro indivíduo, também catador de lixo foram os responsáveis pelo furto de seus documentos.


Chateado com a atitude dos colegas Tancredo Ferreira "o barrão" decidiu tomar satisfação com a vítima. Armado com uma faca "peixeira" após discutir com André Luiz, "barrão" o lesionou com um profundo golpe na região abdominal. Depois de cometer o crime, Tancredo Ferreira entregou-se ao vigia do lixão que acionou a PM para conduzi-lo ao distrito policial de Bacabal.


Com medo de uma nova tentativa, a vítima permaneceu caída em meio ao lixo e só gritou por socorro após a chegada da polícia militar. Levado ao pronto socorro de Bacabal André Luiz encontra-se em estado grave. Entretanto, Tancredo Ferreira da Silva o “Barrão" mesmo sendo preso em flagrante, depois de ser ouvido pela autoridade policial plantonista, acabou liberado.


Perguntado por tal decisão, o Delegado Regional Elson Ramos disse que seu colega apenas fez cumprir o que reza a lei e, mesmo estando em liberdade, nada impede que o autor da tentativa de homicídio volte a ser preso.

Leia também;

BRIGA NO LIXÃO DE BACABAL TERMINA COM UM CATADOR FERIDO A GOLPES DE FACA.