GOVERNO DO MARANHÃO

GOVERNO DO MARANHÃO

.

quarta-feira, 3 de maio de 2017

GOVERNO REALIZA MAIS DE 150 MIL EXAMES NO HOSPITAL LAURA VASCONCELOS, EM BACABAL



O Serviço de Apoio Diagnóstico e Terapia (SADT) do Hospital Regional Dra. Laura Vasconcelos, em Bacabal, realizou, em sete meses, mais de 150 mil exames, com média mensal de 21.596. Dentre eles, mais de 7 mil diagnósticos por radiologia e mais de 140 mil por laboratório clínico. Ao todo, o serviço oferece mais de 400 opções de exames laboratoriais à população da região de saúde, estimada em 267.842 mil habitantes.

De acordo com o governador Flávio Dino, o Hospital Laura Vasconcelos é o principal investimento do Governo do Estado na região. “Por mês, investimos R$ 4 milhões neste hospital e hoje ele é nosso principal investimento em Bacabal. E a gente vê a importância dele para a região quando vemos o volume de atendimentos que já foram realizados desde a inauguração”, completou.

Inaugurada pelo Governo do Estado, em setembro de 2016, a unidade hospitalar vinculada à Secretaria de Estado da Saúde (SES), dispõe de serviços de alta complexidade e de urgência e emergência, além de especialidades em clínicas médica, cirúrgica e ortopédica.

“Esse hospital era uma demanda da região. Ele ficou fechado por um tempo e foi reinaugurado por nós em setembro. A gente vê a alta relevância que ele tem para a população a partir desse fluxo de pacientes altíssimo. Então, esse hospital é importante porque tem salvado e cuidado de muitas vidas aqui na região de Bacabal”, comentou a subsecretária de Estado da Saúde, Karla Trindade.

Os pacientes que circulam diariamente pelo Hospital Laura Vasconcelos reconhecem a diferença que a unidade trouxe para a saúde da cidade. A lavradora Deusiane Lima Santos, de 31 anos, disse que já utilizou os serviços do hospital outras vezes e comenta a diferença. “Antes dele, era mais difícil porque tinha que marcar consulta em posto, esperar dias para conseguir a vez no médico, às vezes, tinha que chegar muito cedo e, hoje, não é mais assim”, disse.

Deusiane Lima Santos esteve no hospital recentemente para realizar uma tomografia e diz que obteve atendimento ágil. “Eu nunca tive dificuldade pra conseguir marcar consulta e outra vantagem que eu vejo é porque se resolve as coisas tudo aqui mesmo, não precisa ir pra outra cidade”, comentou.
De acordo com o diretor clínico, Elissandro Melo Lobo, muitos pacientes chegam à unidade esperando serem encaminhados para São Luís, prática comum anteriormente ao novo hospital. “Como o hospital é recente, há pessoas da região que acham que vão vir pra cá e que serão encaminhados para São Luís. Elas acabam ficando surpresas, porque já saem daqui com sua consulta feita, seu tratamento iniciado”, explicou.
A qualidade do atendimento também tem agradado o usuário. Acompanhando o marido que está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), Maria Isa de Sousa, fala com gratidão da assistência que recebeu no Laura Vasconcelos. “Eu só tenho a agradecer toda assistência que nós recebemos aqui. Senão fosse esse hospital, meu marido talvez não resistisse. E como tenho vindo diariamente para visitar ele, posso dizer como somos bem tratados, do porteiro aos médicos, você vê realmente cuidado”, afirmou.
Para os profissionais, é satisfatório poder prestar o serviço à população de forma adequada. “Nós tínhamos uma estrutura bem precária e uma demanda muito grande. O Laura Vasconcelos sempre atendeu a região, mas não tinha estrutura para comportar a população. Hoje, a gente tem toda a estrutura funcionando bem, a gente tem condições de internar um paciente aqui, de cuidar inclusive de casos mais graves, sem precisar mais ficar encaminhando paciente para a capital ou outros hospitais. A população de fato tem uma assistência de saúde hoje”, conta o médico Thiago Vieira Santos.

Estrutura e atendimento especializado

A unidade hospitalar conta com 65 leitos para cirurgia geral, ortopédica-traumatológica, clínica geral, estabilização, observação e Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). O hospital dispõe ainda de equipamentos de ultrassonografia, radiologia, tomografia, eletrocardiograma e agência transfusional. Mais de 300 profissionais compõem a equipe do hospital.

“Nós temos um fluxo diário muito grande. Por mês, atendemos mais de quatro mil pacientes e para manter o atendimento de qualidade, temos nove médicos diariamente no hospital, fora as equipes de enfermagem, técnicos e demais profissionais”, comentou o diretor da unidade. Além de Bacabal, o hospital atende a população de mais dez cidades vizinhas: São Luís Gonzaga do Maranhão, Lago da Pedra, Conceição do Lago Açu, Lago dos Rodrigues, Lago Verde, Vitorino Freire, Bom Lugar, Olho d’Água das Cunhas, Brejo de Areia e Pio XII.