.

quarta-feira, 30 de março de 2016

MARCOS ASSUNÇÃO É APRESENTADO NO SAMPAIO CORRÊA

Karlos Geromy/OIMP/D.A.Press
Apresentação oficial de Marcos Assunção no Sampaio Corrêa

Na tarde desta terça-feira, o Sampaio Corrêa apresentou oficialmente o sexto reforço para a disputa do segundo turno do Campeonato Maranhense. O volante Marcos Assunção chegou ao CT José Carlos Macieira como indicação do técnico Petkovic e deve estar apto para atuar daqui a pelo menos duas semanas.
O jogador realizou o primeiro treinamento com o restante do grupo na manhã de hoje e deve se reunir nos próximos dias para finalmente assinar o contrato com o Tricolor. Apesar disso, a publicação de seu nome no BID já foi realizada e ele tem condições legais de jogo em todas as competições do Sampaio.

Fotos: Karlos Geromy/OIMP/D.A.Press.
Karlos Geromy/OIMP/D.A.Press
Marcos Assunção
Aos 39 anos, Assunção vem de um período de seis meses sem atuar, após ser dispensado pelo Criciúma no meio da Série B do Campeonato Brasileiro de 2015. Assim como no Tricolor, ele chegou ao Tigre a pedidos de Petkovic e acabou saindo juntamente com a demissão do treinador.

“Apesar de ficar esse tempo sem atuar, eu sempre estou na academia, jogo futebol quase todos os dias com os meus amigos. Após o convite do Sampaio, contratei um preparador físico que trabalhou comigo nas duas últimas semanas. Estou bem”, explicou.

Após realizar os dois primeiros trabalhos, o jogador já projeta uma possível estreia com a camisa do Sampaio para a metade de abril, mais precisamente para o jogo de volta contra o Inter de Lages pela Copa do Brasil.

“Ainda depende muito do treinador, vocês têm que perguntar para ele, mas com minha experiência, acredito que preciso de mais ou menos duas semanas para ficar a disposição da comissão técnica. Depois disso depende apenas deles”, afirmou.

Com uma carreira profissional de 23 anos, Marcos Assunção acredita ainda ter muito para dar ao futebol e espera uma boa passagem pelo Sampaio, com a possibilidade de conquistar títulos e dar alegria a torcida.

“Tenho três objetivos definidos, que são o Campeonato Maranhense, a Copa do Brasil e a Série B. Não vim a passeio. Vim para esse clube para trabalhar e tenho condições, senão não teria vindo. Gosto de jogar futebol e ainda quero conquistar títulos”, afirmou.

Em relação às críticas por sua idade, considerada avançada para os padrões atuais do futebol, o volante diz que espera ser avaliado quando entrar em campo e fazer um balanço quando terminar o seu contrato no fim do ano.

“Antes de mais nada, eu queria dizer que minha resposta sempre é dentro de campo. Espero que no final do ano, quando meu contrato se encerrar, eu possa dizer que fiz um bom trabalho”, concluiu.