.

quinta-feira, 23 de junho de 2016

CAOS NO HOSPITAL DE BACABAL: SEM GESSO, IDOSO TEM PERNA IMOBILIZADA COM PAPELÃO





A falta de recursos médicos no Hospital Municipal de Bacabal gera problemas graves a pacientes da rede pública e vira polêmica no município administrado pelo prefeito Zé Alberto Veloso (PMDB).
As demandas estão sem respostas por parte da gestão municipal, e principalmente, pelo enfermeiro Kelcimar Virgínio Silva, que responde pela Secretaria de Saúde de Bacabal.
Sem apresentar soluções, o gestores deixaram a unidade de pronto socorro desassistida e sem condições de atender pacientes por falta de material. No hospital há ortopedista mas nenhum pode fazer algum procedimento de imobilização por conta da falta de gesso. E para piorar, nem cirurgias são feitas no local. Quem precisa se operar tem que se deslocar para outra cidade.
Um idoso que reside no município quebrou o fêmur há mais de 15 dias durante um acidente de moto e pasmem: médicos do hospital de Bacabal utilizaram um pedaço de papelão e uma tira de atadura para imobilizar a perna dele por que não tinha gesso. Depois de dias de sofrimento e após denúncias, o senhor Adão da Silva, de 60 anos, foi transferido para um hospital público de São Luís para garantir atendimento.
Esse caso foi resolvido e os demais senhores prefeito e secretário de Saúde? Como ficam? Blog do Minard