PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

GESTO SOLIDÁRIO: CRIANÇA QUE FOI ASSALTADA É RESSARCIDA POR POLICIAIS MILITARES DO 15º BATALHÃO DE BACABAL

Compartilhar no WhatsApp

 

Um caso que tem repercutido bastante pela população de Bacabal, nos jornais de nossa capital e nas redes sociais ocorreu manhã de sábado (22), quando um garoto de apenas 8 anos de idade que vendia "din-din" foi assaltado por individuo que o roubou R$ 14,00 (Quatorze reais) e 6 din-dins, subtraindo da criança, a quantia de R$ 20,00 (Vinte reais) do mesmo, já que um din-din custava o equivalente a R$ 1,00 (Um real).  

Aos planto e temendo voltar para casa, o garoto se dirigiu até o Batalhão e foi recebido pelo Cabo Janílson, Soldado Dominique e Soldado Hugo, que acionaram uma equipe que estava de serviço na rua. O PM Ébano Carvalho e Soldado Paiva de imediato chegaram ao 15º BPM, Mas a criança não soube precisar quem o teria roubado. Vendo aquela situação o Soldado Ébano Carvalho, Soldado Paiva e os outros PM’s decidiram doar a quantia roubada ao garoto, foi entregue a ele a quantia equivalente a 20,00 (vinte Reais). 

Logo após o brilhante gesto, os PM’s foram levar a criança para casa, após isso, os mesmos realizaram várias rondas no intuito de capturar o assaltante, mas não obtiveram êxito.


O fato foi relatado na pagina do facebook do PM Ébano, “Não imaginei que esse nosso ato de humanidade pudesse gerar tanta repercussão, mas digo que ganhei meu dia porque ouvi um "MUITO OBRIGADO" sincero desse garoto. Obrigado meu Deus, a glória é Tua” Disse o PM.

“Hoje pela manhã no quartel policial militares do 15º BPM/Bacabal foram surpreendidos com uma criança aos prantos, os policiais o acalmaram e o indagaram o motivo do choro. A mesma relatou que estava vendendo dim dim como de costume, quando foi surpreendida por um indivíduo que subtraiu dela a quantia de 11,00 reais e mais 6 din-dins. A criança ainda chorosa disse que estava com medo de sua mãe "brigar" com ele. Diante da situação os policias entre si, fizeram uma "vaquinha" e somaram exatamente a quantia do furto e deram a criança, ao fim a mesma foi levada em segurança para sua casa.
Obs:
Ocorrência atendida por: Sd Carvalho e sd Paiva, com apoio de Sd Hugo”r.
(texto de Andréia S. Almeida)