.

quinta-feira, 23 de março de 2017

BACABAL: POLICIA CIVIL CUMPRE MANDADO DE PRISÃO PREVENTIVA EM DESFAVOR DE ACUSADA DE COMETER HOMICÍDIO CONTRA O PRÓPRIO MARIDO “CHICO MINGAU”.



O crime ocorreu por volta das 21h do dia 18 de fevereiro de 2017, na avenida dom Bosco, no bairro novo Bacabal. De acordo com as investigações, Francisco das chagas Mathias Carvalho conhecido carinhosamente como “Chico Mingau”, foi morto com um golpe de faca desferido por sua própria companheira identificada como, Valdeniza Matos dos Santos. As motivações teria sido um desentendimento. 

Francisco chagas, o “Chico Mingau” residiu por logo tempo no bairro Setúbal, onde era muito querido por todos. Bem-humorado e mantinha uma boa relação com os amigos e vizinhos.  Já a sua companheira sempre foi muito agressiva, inclusive, já teria atentado contra a vida de seu ex-companheiro, segundo informações de vizinhos da acusada.

Só alegria no carnaval
Bairo Setual

No dia do crime a Polícia Civil esteve na residência e tudo indica que a vítima teria sido morta em outro cômodo da casa e, em seguida, tenha sido banhado pela companheira com ajuda de uma segunda pessoa e levado para quarto e colocado em cima da cama onde foi encontrado.

“Chico Mingau” foi atingido com uma facada no peito, onde não havia vestígios de sangue e a camisa que ele usava no momento que foi encontrado, não havia nenhuma marca de objeto cortante ou perfurante, o que leva a crê, que, após cometer o assassinato, a autora ainda tenha alterado a cena do crime.
 
Dias após, Valdeniza se apresentou na Delegacia acompanhada de um Advogado e prestou esclarecimentos ao delegado Luigi conte que estava à frente do caso. Antes mesmos de ser transferido para nossa capital, o Delegado Luigi, deu entrada no pedido de prisão preventiva da acusada, que foi cumprido na tarde desta quinta-feira (23) pelo Delegado Bruno Figueiredo. 


A repórter Beatriz Maria que apresenta o programa Bom Dia Bacabal, da TV Bacabal canal 09, falou com o Delegado que Bruno que está agora à frente do caso. 

“Há alguns meses ocorreu esse fato em Bacabal que causou grande comoção, já que a vítima era muito querida por todos. A suspeita, Valdeniza Matos dos Santos, já havia se apresentado anteriormente ao Delegado Luigi Conte, Mas, mesmo ela se apresentando, foi dado continuidade nas investigações, foi colhido elementos da autoria a materialidade delitiva e, antes do delegado Luigi Conte ser transferido para São Luís, pediu a prisão preventiva da suspeita que foi cumprida na tarde desta quinta-feira (23). O relatório final do inquérito será realizado e encaminhado ao judiciário e a suspeita continuará a disposição da justiça" disse o Delegado Bruno Figueiredo.