.

segunda-feira, 27 de março de 2017

LAGO VERDE-MA REGISTRA UM HOMICÍDIO E UMA TENTATIVA DE HOMICÍDIO NO FINAL DE SEMANA.




Por volta das 19 horas de domingo, (26), a guarnição do destacamento do município de Lago Verde, que tem como o comandante o Sargento Edson, foi acionada via celular  DPM (99) 98853-4011, que no povoado Nova Olinda, próximo ao Sitio da Dona Beta, havia acontecido um tiroteio e, que dois homens estariam feridos pelos disparos.

A guarnição composta pelo Sgt Edison, Cabo Jadson e Cabo Leocide se deslocaram ao local pegando carona na Ambulância, devido o acesso ruim e a VTR do destacamento não passar nos atoleiros. Chegando ao local constatamos a veracidade da denúncia.

Informações repassadas aos PM davam conta de que ambas as vítimas trafegavam juntas em uma moto Honda/Bros de placa QDC-7667 e que antes de acontecer o crime, os dois se encontravam em um bar quando decidiam se deslocar sentido zona urbana, quando foram interceptados por dois homens em uma moto preta não identificados e que fizeram diversos disparos.
Antônio Evandro dos Santos Honorato, vulgo “Vando”.

Antônio Evandro dos Santos Honorato, vulgo “Vando”. De 22 anos, morador da Rua 04 novembro, centro de Lago Verde, MA, foi vitima com 2 disparos de arma de fogo nas costas, 2 disparos na cabeça e 1 na virilha, chegando a morrer no local.
José Cleyton Mendes dos Santos, vulgo “Cleyton”

José Cleyton Mendes dos Santos, vulgo “Cleyton”, de 36 anos, também residente no centro de Lago Verde, MA, na Rua Nova n° 27, foi atingido com 1 disparo na face, próximo a boca e 1 na perna e foi encaminhado ao Hospital de Presidente Dutra.

A vítima de homicídio Vando tem várias passagens pela Polícia pela prática de furtos, roubos e drogas, inclusive no dia 01/03/17, ele furtou uma moto Bros da casa de uma vizinha dele e onde mais tarde a motocicleta foi recuperada escondida dentro da casa do mesmo.


Até o momento não se sabe quem são os autores do crime. O investigador de Policia Civil RONILSON que responde pela delegacia de Lago Verde, foi comunicado do fato e foi feitas diligências no sentindo de prender o autor ou autores do crime, mas até o momento ninguém foi preso.