terça-feira, 2 de janeiro de 2018

EM BACABAL, ÁREA QUE PODERIA ESTAR PRESERVADA, ACABA TOMADA PELO LIXO.

Compartilhar no WhatsApp

No município a coleta de lixo é regular, em cada bairro da cidade pelo menos duas vezes por semana o lixo é recolhido. No entanto, muitos ainda não têm a consciência de se adequar aos dias em que às equipes de coleta passa em cada bairro, tal displicência vem acarretando em vários problemas para o município, um deles é a formação de vários lixões na cidade.

Exemplo disso é a área que fica entre Avenida Mearim, bairro Alto Cururupu e rio Mearim. Ali o lixo se espalha por todos os lados, nem mesmo as lagoas escapam da ação de degradação provocada pelo homem.



Nas fotos enviadas ao blog Falando Sério é possível encontrar todo tipo de sujeira, passando por garrafas de vidro e material plástico. Lembrando que todo esse material que ali vem sendo depositado leva anos para se degradar na natureza, provocando assim, não só um problema ambiental, mas de saúde pública também, já que, as garrafas e recipientes plásticos tornam-se locais propícios para à proliferação do mosquito transmissor da dengue.




Vale também ressaltar, que o local mostrado nessa matéria fica a poucos metros das margens do rio Mearim e no período chuvoso toda ela fica submersa, sendo assim, parte da sujeira ali depositada, acabará no leito do rio que é responsável por parte do abastecimento de água à cidade da cidade.


Populares que enviaram às fotos ao blog Falando Sério, afirmam que os responsáveis pelo emporcalhamento da área são comerciantes locais e pessoas vindas até de outros bairros. Eles também afirmam, que, sem fiscalização e punição para os que teimam em colocar lixo ali, dentro de bem pouco tempo não haverá mais nada o que fazer, a não ser lamentar por mais uma área verde de Bacabal, ter sido transformada em lixão.