terça-feira, 20 de março de 2018

SAAE PERFURA POÇOS TUBULARES E SUBSTITUI BOMBAS D'ÁGUA VISANDO MELHORAR ABASTECIMENTO EM BAIRROS DE BACABAL

Compartilhar no WhatsApp

Dir. Ramon Braga (à esquerda de camisa preta) sendo

recebido por moradores do bairro Presídio na companhia
de secretários municipais  e vereadores.
Blog do Sérgio Matias

No próximo dia 22 de março será comemorado o Dia Mundial da Água, bem precioso, mas cada dia mais escasso devido à soma de vários fatores. O aquecimento global e o desperdício são alguns deles.

Em Bacabal, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) é o responsável por captar, tratar e levar à população o líquido potável usado para o consumo. Tarefa que exige o esforço de uma gama de profissionais que diuturnamente dão o seu suor para que tudo saia a contento, muito embora, nem sempre isso seja possível.

Como a água é indispensável, assim que ela desaparece das torneiras logo acarreta uma série de transtornos para os moradores e dores de cabeça para a direção do SAAE. Sempre que tem a oportunidade de falar com a imprensa, o diretor Ramon Braga ressalta que as críticas construtivas são sempre bem-vindas e que jamais faltará empenho de sua equipe em resolver os problemas.

Há pouco mais de 1 ano no comando daquela autarquia municipal, ele tem conseguido atender boa parte das demandas e quando surge uma nova a população é prontamente colocada a par da situação, como, por exemplo, no caso dos moradores do bairro Pedro Brito que tiveram o fornecimento de água interrompido devido a manutenção em toda a rede de abastecimento. Lá a bomba velha já deu lugar a uma nova. “O SAAE pede a compreensão de todos e informa que está trabalhando para que o sistema volte a funcionar o mais rápido possível”, diz trecho da nota de esclarecimento.



Outra nota diz respeito ao abastecimento na Vila da Paz.

Melhorias também chegaram ao bairro Presídio onde um novo poço foi perfurado. Já em outras comunidades as pendências estão sendo sanadas com a perfuração de poços e/ou a troca de bombas d'água e outros equipamentos.


Quando a população reclama e cobra uma ação rápida da nossa parte, é totalmente compreensivo, afinal, sem a água nas torneiras o nosso dia a dia vira um transtorno. Porém, é necessário também reconhecer que nunca faltou empenho para sanar qualquer problema. Neste período que estou à frente do SAAE tenho cumprido o que me foi determinado pelo prefeito Zé Vieira, ou seja, não cruzar os braços um só instante e fazer o máximo para que tudo seja resolvido o quanto antes”, disse Ramon Braga.