,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

sábado, 14 de março de 2015

ASSISTA A REPORTAGEM: MÃE E FILHO AGIAM JUNTOS EM QUADRILHA DE ESTELIONATÁRIOS PRESA EM BACABAL

Compartilhar no WhatsApp


Na tarde de quarta-feira o serviço velado da policia militar realizou uma abordagem neste carro modelo Palio de placas OIS 4189, que vinha sendo conduzido por Antônio do Carmo Neto, e no interior do veículo tinha mais três pessoas. Os policiais encontraram vários documentos falsos, cheque, envelopes para deposito em agências bancarias, aproximadamente R$ 140 reais e um caderno, que segundo a polícia servia para treina a assinatura das supostas vitimas.



Maria Renildo da Conceição Silva de 44 anos é esta mulher que esta nesta identidade. E que nesta outra identidade aparece com o nome de Aristeia Pereira Vaz de 54 anos. De acordo com as informações da policia militar, o verdadeiro nome dela é Maria Irenilde da Conceição.

Esta outra mulher foi identificada como: Maria Oneide Costa. Segundo ela estava apenas acompanhando a amiga, e que seus documentos são todos verdadeiros.


No momento da abordagem Antônio do calmo, filho de Euvita Morais de Sousa, que segundo os policiais, é a chefe do bando, correu para dentro de uma solta. Mais  o policial militar do serviço velado saiu em perseguição, e depois de vários minutos no encalço do foragido e de muita negociação com Antônio, o policial conseguiu fazer a captura de Antônio.


Depois muitas denúncias de que Euvita Morais de Sousa era estelionatária. O serviço velado montou campana e depois de meses, conseguiu pegar todos com a mão na massa, ou melhor, nos documentos.


Na delegacia uma das suspeitas falou que o dinheiro que elas iriam ganhar, era muito pouco. O Blog falandoseriobacabal recebeu há poucos minutos antes de postar a matéria, recebeu a informação do delegado que todos os quatros foram atuados. E amanhã vamos trazer todos os detalhes, em quais artigos eles foram autuados.


Euvnita Morais de Sousa e Antônio do Carmo filho, mãe e filho, já tem passagem pela policial, por essa mesma prática. 


Assistam as reportagens produzidas pelo repórter Ray Lima e Anselmo Sousa.




Assistam a segunda parte da matéria.