PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

VÍDEO: HOMEM É ASSASSINADO A FACADAS EM BAR NO BAIRRO VILA SÃO JOÃO EM BACABAL.

Compartilhar no WhatsApp



Era por volta das 16h30min, de segunda-feira, 29, quando Antônio Barbosa Castro, 28 anos de idade, conhecido como "Toinho da Mariquinha" acabou atingido por pelo menos três golpes de faca. O autor das facadas foi Jocimar Santos, de 26 de idade. O acusado que também atende pelo apelido de "Jorge" disse que os motivos para o crime foi uma suposta agressão sofrida por ele. Algo que na delegacia do primeiro distrito policial, sua esposa deixou bem claro não existir. Ainda segundo ela, vítima e acusado eram amigos de cachaça.




O crime de homicídio ocorreu na Rua 10, do bairro Vila São João e, logo após esfaquear a vítima, Jocimar (O Jorge) fugiu rumo ao bairro Vila Graciete, onde foi perseguido e acuado no interior de uma residência por seu Antônio proprietário do bar, onde ele praticou o crime.



Em entrevista ao blog falando serio, seu Antônio do bar como é conhecido, disse que para não deixar o assassino fugir, teve que ameaça-lo. Acuado debaixo de uma cama Jocimar permaneceu quieto até a chegada da PM, que o conduziu até o 1º Distrito Policial de Bacabal.

Na permanência da Delegacia o acusado chegou a relatar uma suposta legítima defesa, pois segundo ele, Toinho da mariquinha havia lhe desferido um tapa no rosto, por isso, ele decidiu se armar com uma faca para revidar a suposta agressão. A esposa do acusado disse que desde cedo ele vinha dizendo que mataria alguém, mas ela não esperava que o seu marido fosse cumprir a promessa.




Ao ser indagado sobre a morte de Toinho da Mariquinha, Jocimar "O Jorge" disse apenas; “Mais antes ele do que eu”. Frio com suas palavras o assassino confesso deve permanecer preso aguardando decisão judicial já que o mesmo foi preso em flagrante.


Vídeo:




Assista a reportagem completa no programa Ronda da Cidade, na TV Mearim, canal 4,  apresentado por Nando Sousa.