PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

ACUSADO DE ENVOLVIMENTO NA MORTE DA COLOMBIANA É APRESENTADO NA SECRETARIA DE SEGURANÇA

Compartilhar no WhatsApp

A Secretária de Segurança Pública (SSP), por conta de um trabalho integrado entre as polícias Civil e Militar, apresentou nesta segunda-feira (31), por volta das 10h, o acusado Dhiemerson Carlos Pereira, 26 anos, por envolvimento na morte da colombiana Ana Dolores Rivera Rodriguez. O criminoso teria participado na morte da Colombiana, junto com outros dois homens. A vítima, Ana Dolores Rivera Rodriguez, foi encontrada morta no dia 21/10/2016, no povoado “Pirinã” em Pinheiro.
As investigações da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), por intermédio da Delegacia Regional de Pinheiro, culminaram na prisão temporária dos suspeitos, sendo rastreada a localização de um deles. O acusado vem sendo procurado pelos investigadores de Pinheiro e Santa Helena, desde o dia 23/10.
O crime foi desvendado quando o investigador Diniz recebeu informação de que o acusado estava se escondendo em um povoado conhecido por “São Domingos”, em Turilândia. Ali foi encontrado e conduzido pela Polícia Militar, após informações da Polícia Civil.
Suspeitas de crime de latrocínio.

O delegado Regional de Pinheiro, Carlos Renato, que coordenou as investigações, repassou que “Foi pedida     a prisão temporária de Dhiemerson Carlos Pereira e de outros dois envolvidos, identificados preliminarmente por Carol e Laércio. Eles foram apontados como partícipes da ação criminosa que vitimou a colombiana Ana Dolores Rivera Rodriguez. A Polícia Civil já vinha rastreando os envolvidos. Assim sendo, solicitou o apoio da Polícia Militar, a qual chegou no local, culminando com a prisão e condução do referido. As investigações continuarão no sentido de prender os outros dois acusados e para confirmar se a morte foi por conta de um latrocínio, ou se é possível apontar outra linha de investigação” finalizou.

Presente na coletiva, o secretário de Segurança Pública Jefferson Portela informou que “O inquérito foi instaurado e definido os envolvidos no crime que tirou a vida da colombiana Ana Dolores Rivera Rodriguez. As investigações estão em andamento, restando completar o inquérito para consolidar as informações. Inicialmente, o crime aponta para um latrocínio, mas as investigações ainda estão em curso e não descartamos outras possibilidades”, finalizou.

Participaram da apresentação, o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela; o delegado Geral de Polícia Civil Lawrence Melo; o Superintendente de Polícia Civil do Interior, Dicival Gonçalves; o Comandante da Polícia Militar, o Cel. Frederico Pereira; o delegado Regional de Pinheiro Carlos Renato e o Comandante do Corpo de Bombeiros Célio Roberto.  Mauro Wagner – Asscom/SSP