,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Mais de 18 mil fiéis celebram Corpus Christi em Imperatriz

Compartilhar no WhatsApp


Com o tema: Jesus, vida em plenitude, a igreja buscou refletir sobre como os católicos devem viver servido ao Senhor.

IMPERATRIZ – O estádio Frei Epifânio D’Abadia foi tomado por uma multidão de fiéis de Imperatriz e várias cidades vizinhas para a solenidade de Corpus Christi, realizada pela diocese de Imperatriz. Uma das celebrações mais importante para os católicos reuniu crianças, jovens, adultos e idosos, em um público estimado em mais 18 mil fiéis.

A solenidade também contou com a participação de todos os padres e ministros da eucaristia da cidade. Com o tema: Jesus, vida em plenitude, a igreja buscou refletir sobre como os católicos devem viver servido ao Senhor em todas as etapas da vida. Além disso, a celebração chamou a atenção para importância da paz entre os povos e, principalmente, em Imperatriz.
Mais de 18 mil pessoas compareceram na solenidade. (Foto: Alan Milhomem / Imirante Imperatriz)

A solenidade também homenageou a padroeira da cidade. (Foto: Alan Milhomem / Imirante Imperatriz)
Os fiéis chegaram cedo, mesmo com o sol forte e as altas temperaturas nesta tarde em Imperatriz. Os portões foram abertos às 15h e, antes das 17h, já não havia mais cadeiras vazias no estádio, o que obrigou a organização a abrir parte do gramado para abrigar o público. Antes da celebração, muita animação com os grupos de músicas das igrejas da diocese.
A solenidade de Corpus Chisti começou com uma coreografia de jovens que levantou o publico presente no estádio. Como nos anos anteriores, o helicóptero da Polícia Militar sobrevoou o estádio e jogou pétalas de flores sobre o público. Logo em seguida, foi realizada uma homenagem a padroeira da cidade, Santa Tereza D’Ávila, que este ano completa 500 anos de nascimento. A imagem da santa foi carregada por padres entres os fiéis e depois colocada em frente ao altar.

O bispo dom Gilberto Pastana, acompanhado dos padres da diocese, deu início a celebração às 18h e teve duração de 2h30, até o início da procissão. Com muita fé e emoção, os católicos participaram da celebração agradecendo e renovando a fé na presença de Jesus na eucaristia.

Para a missionária Maria Francisca, o momento foi de forte expressão da fé dos católicos de Imperatriz. “Para alguns um momento de renovação, para outros apenas um momento de expressão daquilo que ele realmente crê. É um momento que, para nós católicos, é o ápice da nossa fé, já que a eucaristia é o cume e o ápice da nossa fé, pois dela deriva todas as ações da igreja”, disse.

“Eu me sinto obedecendo ao mandado de Cristo, ide e anunciai a todos o santo evangelho. Além de revigorar minha fé, nós somos discípulos missionários fazendo acontecer e reviver a cada dia”, completou.
Como nos anos anteriores, o helicóptero da PM jogou pétalas de flores sobre o público. (Foto: Alan Milhomem / Imirante Imperatriz)
Durante a homilia, momento em que o bispo explicou as duas leituras e o evangelho, Dom Gilberto agradeceu a todos os que ajudaram na realização do evento e pediu que todos renovem a aliança com Deus. Ele pediu para todos os fiéis façam o que o Senhor disse e que todos devem obedecê-lo.

“Irmãos, se nós tomarmos a sério aquilo que nós celebramos na eucaristia, a partir daquilo que o Senhor nos diz, ela deixará de ser um ato de piedade para se tornar um sacramento. Não ficará restrita a um espaço sagrado, mas alcançará a vida, a nossa vida transformando-a em serviço, em favor de muitos”, afirmou o bispo.
Uma coreografia realizada pelos jovens abriu a solenidade. (Foto: Alan Milhomem / Imirante Imperatriz)
Após a homilia, ocorreu um dos momentos de destaque da celebração, foi quando as luzes do estádio se apagaram e a iluminação ficou por conta das velas seguradas pelos fiéis, que foram acesas pouco a pouco. Nesse momento foi realizada a profecia da fé, em que os fiéis proclamaram, publicamente, a devoção na eucaristia e renovam a fé.

Após a celebração, o bispo desceu com santíssimo do altar até e saiu em procissão, que percorreu parte do Centro antigo da cidade e se encerrou na Igreja de Santa Tereza D’Ávila, onde foi realizada a benção do santíssimo.
O o bispo desceu com santíssimo do altar até e saiu em procissão. 
(Foto: Alan Milhomem / Imirante Imperatriz)

Edição André Gomes 
Fonte: Imirante Imperatriz