.

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

ACUSADO DA MORTE DO GAROTO ULISSES IRÁ A JÚRI POPULAR EM BACABAL




 
Jadielson Ferreira de Sá Saldanha, vulgo “Ulisses”, será levado ao Tribunal do Júri, no próximo mês, mais precisamente no dia 10 de dezembro, às 08h30min da manhã, no Salão do Júri do Fórum da Comarca de Bacabal. Todos os jurados já foram escolhidos. O caso já está com 1 ano e 6 meses e na época teve repercussão estadual.




O juiz José Antônio Sales, Juiz da 3ª vara e presidente do Tribunal do Júri, espera que o julgamento ocorra na mais perfeita ordem. O caso em que Ulisses é o principal suspeito, aconteceu no dia 16 de junho 2015, fez um ano da morte do garotinho Pedro Henrique de 7 anos de idade. O corpo de Pedro foi encontrado por volta das 14h do dia 15 de junho em um campinho de futebol próximo Ao Balneário, com sinais de estrangulamento e violência sexual. Pedro residia na Avenida Mearim em Bacabal próximo ao local do crime.

Assista a entrevista completa com Juiz José Antônio Sales, Juiz da 3ª vara e presidente do Tribunal do Júri.




Foi um crime que abalou toda a cidade de Bacabal, pela forma em o garoto foi assassinado. O juiz da 3º vara, Joscelmo Gomes, responsável pelo caso, falou com exclusividade para equipe de reportagem da TV Mearim e para o blog falandoseriobacabal.

O juiz falou como está o processo que tem como réu, Jadielson Ferreira de Sá, o “Ulisses”, que é acusado pelo ministério publico como assassino de Pedro Henrique de 7 anos. Juiz falou que o processo não está parado e que ainda esse ano, o júri popular de Jadielson irá acontecer. Ele também teceu criticas a parte da imprensa de Bacabal.

“Partes da imprensa de Bacabal não se informam dos casos ou das noticiais e as noticiam sem ouvir ou sim informarem, pois nunca mim neguei a dá informação a quem quer que seja”.

Disse ainda que o Poder Judiciário está de portas abertas tanto para população como para imprensa e não custa nada se informaram antes de dá a noticia, pois na internet também há informações sobre os casos porque são informações públicas. Juiz falou que o processo não está parado e que ainda esse ano, o júri popular de Jadielson irá acontecer. Ele também teceu criticas a parte da imprensa de Bacabal.
Juiz Joscelmo Gomes

“Partes da imprensa de Bacabal não se informam dos casos ou das noticiais e as noticiam sem ouvir ou sim informarem, pois nunca mim neguei a dá informação a quem quer que seja”.

Disse ainda que o Poder Judiciário está de portas abertas tanto para população como para imprensa e não custa nada se informaram antes de dá a noticia, pois na internet também há informações sobre os casos porque são informações públicas.

Em sua fala ele desatacou que tem profissionais da imprensa de Bacabal que procuram muita mais incitar a população, no sentido de dá prejuízo e desrespeitar as instituições como o Poder Judiciário, sem se quer colher as informações precisas dos atos.

Assista na integra a entrevista do Juiz Joscelmo Gomes.






VEJA O VÍDEO: TUMULTO E PEDIDO DE JUSTIÇA EM AUDIÊNCIA DE JADIELSON CONHECIDO COMO “ULÍSSES” ACUSADO DE TER MATADO O GAROTINHO PEDRO HENRIQUE DE 07 ANOS, NO DIA 15 DE JUNHO.