PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sábado, 9 de janeiro de 2016

ASSISTA AO VÍDEO E CONFIRA A NOTA ENVIADA PELO COMANDANTE DO 15º BPM SOBRE INCIDENTE NO QUARTEL

Compartilhar no WhatsApp



Atualizado às 2:04

Comandante do 15º BPM de Bacabal Miguel Neto foi para o comandando geral em São Luís onde vai ser ouvido, e posteriormente o Cabo Bandeira também vai ser ouvido, pois no momento o mesmo se encontrado hospitalizado.



O inquérito pode durar cerca de 40 dias e durante as investigações o comandante estará afastado de suas funções, ficando assim, o Major Cristiano respondendo interinamente pelo comando do 15º Batalhão de Polícia de Bacabal.

Um incidente aconteceu na sexta-feira (8), no 15º Batalhão de Polícia Militar de Bacabal, envolvendo o comandante tenente-coronel Miguel Neto, o Cabo Bandeira e um advogado, que segundo informações, foi acompanhar o policial militar em uma reunião na sala do comandante a fim de tratar assuntos relacionados a trabalhos do Batalhão.

Um vídeo foi gravado e espalhado nas redes sociais sobre uma discussão na reunião.

Assista ao vídeo:

Depois do ocorrido, várias foram as versões contadas em redes sociais, uma delas seria que o comandante estaria preso, o que logo foi desmentido pelo próprio Coronel. Outra versão dava conta de que todos os policiais estavam aquartelados e as viaturas da cidade de Bacabal estariam recolhidas ao pátio do quartel, o que também foi desmentido pelo comandante.

Segundo informações as viaturas estão na rua fazendo policiamento. O comandante ficou no gabinete recebendo o pessoal normalmente, está fardado e aguarda um coronel que está chegando de são Luís.

Veja a nota de esclarecimento assinada pelo tenente-coronel Miguel Neto enviada à imprensa.