terça-feira, 18 de junho de 2019

ASSISTA: POLÍCIA CIVIL PRENDE LÍDER DE FACÇÃO ACUSADO DE PARTICIPAÇÃO NO CRIME DE RIVAL EM BACABAL.

Compartilhar no WhatsApp

A Polícia Civil do Maranhão através da Delegacia Regional de Bacabal, deu cumprimento a mandado de prisão temporária na manhã de segunda-feira (17), em desfavor de Antônio Carlos de Sousa dos Santos, o Carlinhos Bolota em razão do mesmo ser o mandante do homicídio de Luyan Rogers Frazão dos Santos, 20 anos, ocorrido no dia 10.06.2019, na cidade de Bacabal.

O crime gerou grande repercussão em razão da guerra de facções e principalmente pelo fato de terem enviado fotos para a mãe da vítima, antes e depois da execução.

Carlinhos Bolota é um dos líderes do PCC na região e responsável por vários homicídios na cidade. Ele também ameaçou vários policiais os desafiando em redes sociais.

Ao repórter Romário Alves, Carlinhos Bolota falou que um de seus desafetos teria criando um FAKE com sua foto ameaçando a polícia. Ele relatou que já sabe quem foi o criando do perfil falso e que a qualquer momento o criado do FAKE vai aparecer morto.

Corre um boato de que Bolota, seria o chefe da facção TUDO É 3, a mesma facção que segundo informações da polícia executou Diabo louro. Na foto enviada para a família do jovem um dos executores faz o sinal 3 com os dedos em cima do ombro da vítima.

Outro crime em que Carlinhos é apontado com mandante foi de Francisco da Silva Muniz, o “Kauã” de23 anos, foi encontrado por populares em um matagal no bairro do Novo Bacabal, decapitado. Relembre o caso.

ASSISTA: CORPO DE JOVEM DEGOLADO É ENCONTRADO POR POPULARES EM BAIRRO DE BACABAL.


Leandro Gonzalez de Sousa, 30 anos de idade, executado com requintes de crueldade com vários disparos de arma de fogo na cabeça, boca e vários cortes e perfurações a faca também na região da cabeça, segundo denúncias, tem participação da facção de Carlinhos Bolota.

O corpo de Leandro foi encontrado no 13.04.19, na Rua 07, bairro Vila Frei Solano. Relembre o caso.

Antes de encerrar a entrevista, Antônio Carlos de Sousa dos Santos, o Carlinhos Bolota, deixa um recado para o irmão do menor infrator das iniciais F.W.V.M, conhecido no mundo crime como “Piu Piu”. De acordo com Carlinhos, ele era estava usando o perfil falso e fazendo ameaças para sua família.

“Ele vai vacilar e aí que vai chorar é a mãe dele”, disse Bolota.

“Piu Piu”, é um adolescente de alta periculosidade que tem diversas passagens pela polícia, inclusive com vários homicídios. Em abril deste ano, “Piu Piu”, que foi apreendido no começo deste mês, foi encaminhado ao Centro de Juventude Canaã em São Luís/MA. Ele fez um vídeo, portando uma arma de fogo e fazendo ameaças a membros de Facções rivais, a sociedade e ao próprio Carlinhos Boleta.

Segundo informações, ele também seria chefe de uma facção.

Assista a entrevista na íntegra produzida pelo Romário Alves da TV Difusora Bacabal — Bandeira 2.