PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 23 de março de 2015

Mulher é morta com paulada na cabeça em Imperatriz, MA

Compartilhar no WhatsApp


Jonilda Teixeira Barros Silva foi encontrada morta nesta segunda-feira (23). Vítima trabalhava no setor de arrecadação da Defesa Civil.

A funcionária pública identificada como Jonilda Teixeira Barros Silva foi encontrada morta na manhã desta segunda-feira (23), dentro de um galpão localizado no Parque Alvorada, em Imperatriz, a 626 km de São Luís.

Segundo o delegado regional de Imperatriz Eduardo Galvão, a suspeita é de que a vítima, que foi achada por populares, tenha sido morta com um único golpe de bastão de madeira na cabeça.

O delegado também informou que ela trabalhava no setor de arrecadação da Defesa Civil e teria saído de casa no início da noite de domingo (22), em uma motocicleta, sem informar o destino aos familiares.

De acordo com Galvão, a polícia trabalha com a hipótese de crime passional, já que a pancada que matou a vítima teria sido dada de surpresa. "Nós não descartamos a possibilidade de ser um crime passional, pois não houve sinal de violência sexual. Sem falar que provavelmente ela conhecia o seu agressor, já que foi surpreendida", disse.

No local do crime, foram encontradas a motocicleta e a bolsa da vítima, o que descarta a possibilidade de latrocínio (roubo seguido de morte).



  Jonilda em reunião de família