,

,
VENHA DESFRUTAR DO QUE HÁ DE MELHOR EM LAZER DA SUA REGIÃO.

.

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

VÍDEO: HOMEM MORRE ATROPELADO QUANDO FAZIA EXERCÍCIO FÍSICO NA ESTRADA DA BELA VISTA, EM BACABAL

Compartilhar no WhatsApp

A vítima morou por muito anos no bairro Vila São João, mas atualmente residia no  Residencial Terra do Sol.
Antônio Izidio dos Santos, 69 anos de idade, fazia caminhada na Estrada da Bela Vista, quando foi colhido por um veiculo Gol, cor preta, que era conduzido por um individuo que segundo informações, aparentava está embriagado.

O atropelamento aconteceu nas primeiras horas da manhã de domingo (23), próximo ao Residencial Terra do Sol. O condutor do veículo fugiu do local sem prestar socorro a vítima que morreu no local. Foram feitas várias diligências pela PM que não logrou exito na captura do suposto atropelador.

Um moto-taxista perseguiu o veículo até a Rua do Cajueiro, mas com medo de se aproximar do mesmo, ele perdeu o veiculo de vista. Mas relatou que o veiculo ficou com avarias na parte da frente chegando a quebrar o para-brisa.
A polícia fez rondas no sentido de prender o autor do atropelamento e na Rua Jorge José de Mendonça "Rua do Cajueiro" encontrou o local aonde possivelmente o mesmo teria manobrado o carro e seguido para o bairro Almiro Paiva, dai para frente foi perdido o rastro do veiculo.  

Segundo informações, a vítima acordava cedo para fazer exercício físico naquela via, que não oferece nenhuma segunda aos perdestes quem anda de bicicleta, já que a mesma foi mal projetada, sem acostamento, meio fio, sarjeta.

A via hoje é uma das mais movimentadas de Bacabal, aonde várias bairros são interligados a ela.



“Aumentou a população daquela região e não aumentaram as vias de acesso para diminuir o fluxo de pessoas naquela Avenida. As autoridades tem que criar outras vias de acesso ou duplicar aquela avenida para diminuir o fluxo de pessoas e veículos”. Disse o Cabo PM Edson do 15º BPM/Bacabal.
                       
Os pedestres andam em meio aos carros, motos e bicicletas, fazendo um verdadeiro malabarismo. Outro ponto negativo e a falta de cuidado do poder público com a via, haja vista que, os buracos, a falta de sinalização também contribui para os graves acidentes ocorridos naquele local. Sem contar com irresponsabilidade de alguns condutores que na maioria das vezes andam em alta velocidade e embriagados fazendo dos seus veículos uma verdadeira maquina de matar. 

Assista a reportagem produzida pelos repórteres André Luís e Moisés dos Santos.